resultados diferentes

Acabo de ler um livro muito bacana chamado: S.U.M.O. (Shut Up, Move On) A hora de agir. É um livro bem simples e ao mesmo tempo interessantíssimo

Dividido em 7 capítulos com títulos um pouco diferentes, o autor Paul McGee oferece um guia eficaz para você atingir suas metas. Nosso resumo como de costume será pelos capítulos e como gostamos bastante do livro, faremos um texto para cada capítulo. Então vamos lá:

E + R = R

O título do capítulo já é a fórmula principal do SUMO. Onde:

Evento + Reação = Resultado. Com essa fórmula entendemos que assim que ocorre um evento, somando a nossa reação a ele, é gerado um resultado.

Esse capítulo é voltado para a tão famosa inteligência emocional onde temos que entender de uma vez por todas que não podemos ser escravos de nossas emoções. Temos que aprender a administra-las.

Stephen Covey em seu livro os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes, fala algo semelhante que é o principio 90 /10.

Covey diz que 10% de nossa vida não temos controle. Esses seriam os eventos. Porém 90% você pode controlar com a sua reação.

O que acontece é que muitos de nós respondemos automaticamente a um evento. A fórmula então fica sendo: E = R. O problema dessa fórmula é que não temos controle algum ao que acontece em nossa vida. Os resultados acontecem apenas pelos eventos. Sem nossa percepção. Alguma vez você perdeu a cabeça após um evento e depois se arrependeu de como agiu? Então: E = R. Usando o conceito 90/10, você usou apenas 10% do potencial. Apenas o evento.

Você conhece alguém explosivo? Aquela pessoa que se auto intitula com o temperamento forte? Então, explique para essa pessoa que na verdade o temperamento dela é fraco, pois se fosse forte ela controlaria suas emoções. (Explica de forma delicada que provavelmente ele explodirá com você)

Aqui podemos usar aquela metáfora da xícara de café:

Você está tomando o café da manhã com sua família. Sua filha, deixa o café cair na sua camisa. Você não tem controle sobre isto. Então, você se irrita. Briga de forma dura e ela começa a chorar.

Muito P* da vida, você vai mudar de camisa. Quando volta, encontra sua filha chorando mais ainda e ela acaba perdendo o ônibus para a escola. Sua esposa sai para trabalhar também brava. Você tem de levar sua filha, de carro, para escola. Como está atrasado, dirige em alta velocidade e é multado. Ao chegar na escola, onde sua filha entra, sem se despedir de você. Ao chegar atrasado ao escritório, o chefe ainda reclama do seu atraso. Quando você chega em casa, adivinha? Esposa e filha não estão falando com você.




Nesse momento você fala:

– Que dia péssimo. Tudo de errado aconteceu. Café derramado, atraso, briga com a esposa, briga com a filha, multa, esporro do chefe….
Pergunta: Se quando sua filha derramasse o café, você apenas trocasse de camisa e pedisse para ela ter mais cuidado, tudo isso aconteceria? Com certeza não, pois foi sua reação que desencadeou todos os outros pontos. Correto?

Então descarte o condicionamento que não ajuda. Aprenda uma nova maneira de ver o futuro. Não adianta ser crítico demais, não ajuda chegar ofendendo, corrija isso.

Abandone velhos hábitos negativos que não trazem bons resultados para você. Procure e crie hábitos positivos. Ninguém é o senhor da razão.

Usando a fórmula completa, você deixa de lado as respostas automáticas e toma as rédeas da situação, podendo fazer escolhas diferentes.

Bora usar a fórmula completa?

Evento + Reação = Resultado

10%      + 90%      = 100%

Então vamos que vamos.

Rafael Barrêto