Fevereiro começa o ano letivo e aproveito para saciar minha vontade de falar sobre educação financeira da maneira que aprendi no Instituto DSOP. Se você ainda não conhece o DSOP entra lá: www.dsop.com.br

Em toda nova turma comecei falando sobre o que hoje é meu grande sonho a independência financeira. Na verdade indaguei: Vocês sabem o que é Independência Financeira? A resposta na maioria das classes foi curiosa. Era praticamente padronizada.

– Independência Financeira é não depender mais dos meus pais financeiramente. Esse era o resumo. Claro que existiam complementos como “é pagar a minha balada com o meu dinheiro”, “Morar sozinho”, “Comprar o meu carro”, entre outros.

Pude perceber então como o conceito de Educação Financeira é novo para os jovens na faixa de 18 a 25 anos. Na verdade creio que seja novo para jovens de qualquer idade desde crianças até, como falamos na DSOP, jovens a mais tempo. Porém a pesquisa que fiz foi com os jovens universitários com a faixa de idade já mencionada acima.

Não depender dos pais além de ser necessário é muito bom (se bem que todo adulto já sonhou em ser patrocinado pelos pais eternamente), mas isso seria apenas sua independência, mas não independência financeira. Pois dessa maneira você continuaria dependendo de seu trabalho para pagar seus custos.

Independência financeira é ter alguma fonte de renda que pague seus custos mensais sem necessariamente trabalhar. Isso se chama renda passiva. Em outras palavras, você atinge a independência financeira quando recebe recursos de algum investimento que você tenha. Seja um investimento bancário, aluguel de imóveis, ou até mesmo uma empresa que lhe de retorno sem você estar presente. Desse ponto em diante você não trabalha mais por necessidade, trabalhará somente por prazer, ou por missão por exemplo. Não é demais?

E por que o título desse artigo é voltado para o Jovem? Simples, quanto mais cedo aprendermos o que é independência financeira, mais tempo temos para atingirmos nosso objetivo e alcançá-la.

Então, Vamos que Vamos atrás da Independência Financeira?

Então vem comigo que eu estou nessa caminhada.

Rafael Barrêto.