Competência

Toda vez que me questionam sobre competência, uso a metodologia CHA.

CHA nada mais é do que uma sigla: Conhecimento, Habilidade e Atitude.  Uma forma onde conseguimos identificar e avaliar as competências de cada pessoa. Na minha opinião é o melhor modelo para desenhar cargos e avaliar colaboradores. Onde:

C significa conhecimento. Refere-se ao saber. A pessoas detém conhecimento sobre algo solicitado? Provas teóricas avaliam o conhecimento do candidato em si. Outra forma de  comprovar o conhecimento é com certificados ou documentos. Sabe dirigir? (Tem o conhecimento?) Me mostre a sua carteira de habilitação.

significa habilidade. Refere-se ao saber fazer. Muitas pessoas têm conhecimento teórico mas deixam a desejar na prática. Aqui medimos o candidato no exercício de sua função. Como no exemplo já mencionado acima. Sabe dirigir? Me mostrou a carta? Agora pega aquele caminhão e vamos dar uma volta.



A significa atitude. Refere-se ao fazer. Nesse caso o indivíduo não só sabe, tem habilidade para fazê-lo como coloca a mão na massa. Ele tem atitude. Com o motorista de nosso exemplo anterior, uma boa atitude poderia ser por exemplo fazer a manutenção periódica do caminhão sem ninguém ter que pedir por isso.

Daremos um outro exemplo. Uma pessoa que será auxiliar de cozinha. Como seria o CHA dessa pessoa? Claro que são apenas exemplos, podemos acrescentar ou retirar o que acharmos necessário.

Conhecimento: Curso de culinária; Curso de gastronomia; Curso de manipulação de alimentos.

Habilidades: Sabe fazer vários pratos saborosos.

Atitude: Deixa sempre a cozinha limpa no fim do expediente; Usa os EPI’s adequadamente.

Agora já sabe, quando for avaliar uma pessoa, que tal um chá? Entendeu? Um chá…. ok, a piada foi ruim.

Vamos que vamos!
Rafael Barrêto.

[tx_heading style=”default” heading_text=”Vídeo” tag=”h2″ size=”24″ margin=”24″ align=”left”]